Movimento Espontâneo

#movimentoespontaneo


Deixe um comentário

60 mil hits! Viva o Mov.E.!

Não sabemos nem mais o que dizer diante de mais um marco para o nosso estimado, idolatrado, salve-salve, blog. Se a gente fosse brindar as conquistas durante todo esse tempo, não vai sobra fígado, que dirá comemorar cada hit seu, leitor, com uma golada. São 60 mil hits. Você sabe o que é isso? Foram 60 mil vezes que você e todos os outros queridos leitores entraram aqui, leram, compartilharam, comentaram, participaram, ouviram músicas, viram vídeos e tudo mais. Precisa dizer mais? Esse blog é só sucesso. Por isso, que a nossa equipe aqui acha que o Mov.E. é o melhor blog do mundo. Sabemos que é coisa da nossa cabeça, mas nós gostamos mesmo disso aqui. O amor é eterno.

E quem vai comemorar com a gente também é o casal mais comentado do Mov.E., Penélope e Aníbal. Diretamente aqui no nosso QG, brindando com muito Chandon (não é merchan hein). E o nosso brinde, além de comemorar os 60 mil hits conquistados esta semana, vai também para a professora Amanda Gurgel. Aquela guerreira que teve a ousadia de mostrar para todo o Brasil que o descaso com a educação é um buraco, e bem mais em baixo. Parabéns, prof!

E no final deste post tem um clipe do produtor Erick Morillo pra gente comemorar dançando hein. Se joga lá!

60 mil

É ducaaaaaaaa!!!

Viva o Mov.E.!!!

 

3 de fevereiro de 2009 (5 mil hits)

18 de maio de 2009 (10 mil hits)

27 de agosto de 2009 (15 mil hits)

13 de novembro de 2009 (20 mil hits)

Data desconhecida por enquanto (25 mil hits)

19 de abril de 2010 (30 mil hits)

17 de junho de 2010 (35 mil hits)

14 de agosto de 2010 (40 mil hits)

Data desconhecida por enquanto (45 mil hits)

14 de fevereiro de 2011 (50 mil hits)

25 de março de 2011 (55 mil hits)

26 de maio de 2011 (60 mil hits)


Deixe um comentário

Por onde anda Penélope e Anibal?

Era uma vez um casal de namorados que tinha um relacionamento daqueles mais clichês que você já ouviu falar. O Mov.E. sempre acompanhou a sua trajetória.  Uma vez tentamos buscar, em vão, uma foto para dividir com você, caro leitor, a verdadeira identidade de Penélope e Anibal.

Em 2008 foi quando tudo começou. Era no inverno de agosto quando sapecamos os primeiros posts a respeito deles. Revelamos os seus passeios, aventuras, idas ao cinema e até as já famosas briguinhas “vai-e-volta”. O que? Você nunca ouviu falar nelas? Tá de sacanagem? Por causa delas que diversos pedidos de reconciliação chegaram em massa no QG do Mov.E. Descobrimos por meio deste acontecimento que Pê e Ani possuíam um séquito de fãs fervorosos.

Descobrimos pelas mídias sociais o quanto a vida amorosa serve de combustível para que as pessoas fiquem mais de 5 horas por dia entre Orkut, Facebook e congêneres. Tá aí o BBB que não nos deixa mentir. Foram vistas nas principais capitais do país, em Nova York e até na Europa, faixas tanto de apoio ao casal, quanto a somente um dos dois.

Depois de um tempo, mas precisamente em 2009, o casal se separou, e assim ficamos um longo tempo sem notícias contínuas sobre seu paradeiro. Algumas vezes colocávamos pequenas matérias, esporádicas pípulas a respeito deles. Mas hoje, viemos a público para dizer que isso acabou. Quero dizer, começou. Porque eles estão de volta, unidos, brigando e com força total.